Parque industrial irá fomentar economia de Marituba

0

Com previsão de inicio das obras em abril do próximo ano com conclusão prevista para novembro, o Distrito Industrial de Marituba terá suporte para receber aproximadamente 300 empreendimentos e deverá gerar 2 mil empregos diretos e indiretos. Mais um passo foi dado rumo ao fomento industrial no município com a posse da primeira diretoria da Companhia de Desenvolvimento Industrial de Marituba (Codim), na sexta-feira, 16.

De acordo com o diretor presidente da Codim, Edmilson Campos, a construção do parque contará inicialmente com R$ 16 millhões, oriundos de um projeto aprovado junto ao Banco Mundial e também de precatórios recuperados pelo município. “Estamos trabalhando, entre coisas, para a liberação das licenças necessárias”, disse Campos.

Com relação a capacitação e mão de obra, no início de 2017 será realizado um Seminário de Qualificação para se elaborar um plano de oferta de cursos, por meio da celebração de um Acordo de Cooperação Técnica entre o município e a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Educação Técnica e Tecnológica- Sectet, que coordena o programa Pará Profissional.

O Distrito Industrial de Marituba abrangerá uma área de 432 hectares, no km 4 da alça viária. Estará dividido em quatro pólos: Logística, para atender transportadoras da Região Metropolitana de Belém; Movelaria (MDF, HDF e madeiras certificadas); Confecções; Produtos naturais (dendê, açaí, castanha do Pará e cacau, além de perfumarias) e um pólo para segmentos diversos destinados à micro e pequenos empreendedores do município.

Dentro do Distrito serão implantadas as Escolas do Serviço Social da Indústria (Sesi), do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), um pólo da Universidade Federal do Pará (UFPA) e ainda abrigará um Centro de Convenções com capacidade para 500 pessoas e um parque de exposições, onde serão expostos os itens produzidos no local, o que é um diferencial, pois no Pará não há um distrito com um espaço para expor os produtos que estão sendo fabricados.

Segundo o prefeito Mário Filho a obra será uma das mais importantes não só para Região Metropolitana de Belém, mas para todo o estado e projetará Marituba como um dos municípios que mais se desenvolverá nos próximos quatro anos. “O parque está estrategicamente localizado na alça viária a 6 km da ponte do Rio Guamá. Estou dialogando com uma empresa dos Estado Unidos, um grupo texano, para viabilizar a construção de um porto para escoação da produção e ainda a instalação de uma usina de incineração de lixo acoplada a uma termoelétrica, portanto três megaobras que irão projetar nosso município”, adiantou o prefeito.

COMPARTILHAR:

Os comentários estão fechados.


Acessibilidade
Acessibilidade