Nota oficial – Encerramento das atividades do aterro sanitário instalado em Marituba

0

 

A Prefeitura de Marituba, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) comunica por meio de nota que não existe nenhuma área licenciada pelos órgãos competentes para receber os resíduos dos municípios de Belém, Ananindeua e Marituba.

Devido ao encerramento das atividades do aterro sanitário administrado pela empresa Guamá, representantes da Prefeitura de Marituba reuniram na quinta-feira (30) com as promotoras Dra. Ana Maria e Dra. Marcela, com o objetivo de debater a destinação dos resíduos sólidos do município, após o fechamento do aterro sanitário marcado para dia 31 de maio de 2019.

Na reunião, ficou definido que a Prefeitura de Marituba irá depositar os resíduos produzidos pelos munícipes em uma área de forma transitória, dando o mínimo de infraestrutura para amenizar os impactos ambientais.

Vale ressaltar que a atual gestão municipal está em processo de negociação com investidores da Itália que apresentaram uma proposta de solução imediata para a destinação final dos resíduos produzidos em Marituba. A tecnologia que será utilizada é a Baling System, conhecida como envelopamento dos resíduos, no qual isola os dejetos do meio ambiente.

Os investidores informaram que a tecnologia poderá ser instalada no município no período máximo de 60 dias, neste tempo os resíduos seriam depositados na área transitória.

A atual gestão municipal aproveita para destacar que não teve qualquer participação na emissão das licenças ambientais da referida empresa, assim, somos favoráveis ao encerramento das atividades do empreendido que vem ocasionando sofrimento à população por meio de impactos sociais, ambientais, sanitários e econômicos devido à má operação.

COMPARTILHAR:

Os comentários estão fechados.


Acessibilidade
Acessibilidade