Equipe de saúde realiza visita técnica em prédios públicos de Marituba

0

O prédio da Academia de Saúde foi concluído em 2013, porém nunca habilitado

Uma equipe técnica da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) de Marituba realizou visitas técnicas, nesta semana, em três prédios públicos do município para avaliar a estrutura dos ambientes e as necessidades dos locais, que devem ser inaugurados ainda no primeiro semestre deste ano.

Foram visitados o Centro Especializado em Reabilitação (CER), que já se encontra com prédio estruturado com oito consultórios, sala de terapia infantil e adulta na modalidade individual e em grupo, consultório de ortopedia, entre outros. O local é totalmente adaptado e já está sendo equipado para em breve receber a equipe de profissionais que deverá atender a população maritubense; e o prédio da Academia de Saúde, que foi concluído em 2013, porém nunca habilitado. O local faz parte da rede de Atenção Primária à Saúde e será reformado e equipado para oferecer práticas de atividades físicas à população em geral.

O secretário de Saúde, Diego Rodrigues, durante as visitas

A equipe visitou ainda o prédio Serviço de Atendimento Especializado e Centro de Testagem e Aconselhamento (SAE/CTA) que será inaugurado no próximo dia 21 de abril. O local já conta, inclusive, com o serviço de coleta de sangue realizado por uma equipe de biomédicos para analisar a carga viral dos pacientes cadastrados no sistema e dar prosseguimento ao tratamento dos mesmos.

Segundo a gerente do SAE/CTA, Hayla Castro, o Centro de Testagem e Aconselhamento estabelece cuidado em saúde, oferecendo tratamento, orientação e aconselhamento aos pacientes que apresentam sinais e sintomas de alguma IST (Infecção Sexualmente Transmissível) . “O SAE/CTA abrange uma população que em sua maioria é de baixa renda e que não tem tanto conhecimento sobre as IST’s, por isso nosso atendimento é exclusivo para tratar, acolher e orientar pacientes seja com resultado positivo ou negativo para alguma IST”, disse.

O SAE é um serviço responsável pela assistência ambulatorial às pessoas vivendo HIV/Aids e Hepatites Virais que tem como objetivo prestar atendimento integral e de qualidade aos pacientes, por meio de uma equipe multidisciplinar. Já o CTA é um serviço de saúde importante na promoção da equidade de acesso ao aconselhamento e ao diagnóstico do HIV, das hepatites B e C e da sífilis.

O Centro Especializado em Reabilitação (CER) já se encontra com prédio estruturado

Texto e fotos: Aline Carvalho (Ascom Sesau)

 

 

Os comentários estão fechados.

Acessibilidade